BONITO / MS

31º

21º

quinta, 21 de junho de 2018

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Cheia eleva nível de rio e imagens de trilha debaixo d'água impressionam em Jardim

Bonito Informa

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram o registro feito por um monitor de turismo da cidade de Jardim, durante a cheia da nascente do rio Olho D'água, na cabeceira do Rio da Prata. O registro, feito no dia 02 de fevereiro, impressiona devido à beleza mesmo com a água tendo avançado sobre uma trilha, e já obteve mais de 17 mil compartilhamentos na internet.

A água já baixou e os passeios na região ocorrem normalmente. Quando as imagens foram feitas, porém, estava tudo encoberto pela água. Nos vídeos, é possível ver o quanto o nível da água ficou acima do normal, deixando pontes, árvores e toda uma área usada em passeios turísticos debaixo d'água. Até uma "bacuri", espécie de coqueiro do cerrado, ficou com os frutos submersos.

A situação chamou atenção de quem vive na região, principalmente pela transparência acima do normal, mesmo com a cheia provocada pelo excesso de chuva na cabeceira do rio. Ainda é possível ver os peixes nadando pela área alagada, sem nenhuma interrupção.

"O que mais me impressionou foi a beleza, a transparência mesmo com a enchente de aproximadamente cinco metros", relatou Eduardo Grubert, quem postou os vídeos em sua rede social.

A situação impressionou até mesmo quem já está acostumado com passeios de flutuação em rios da região. A guia de turismo Maria Cenir Scherer, de 58 anos, trabalha há 16 no ramo e afirma ter ficado impressionada. "Fica tudo diferente, costumo falar que é outro mundo porque por onde você passa caminhando no seco, fica tudo alagado e a gente consegue ver tudo com clareza, tanto a trilha, como a vegetação", revelou.

Ainda segundo ela, durante todos os anos de trabalho no local, essa foi a terceira vez que a cheia provocou alagamento na trilha. A primeira delas foi registrada em fevereiro de 2010, enquanto a última havia sido exatamente um ano atrás, no dia 02 de fevereiro de 2017.

As imagens foram gravadas pela manhã durante uma caminhada do monitor de turismo do Recanto Ecológico Rio da Prata. "Nós temos o costume de andar pelos percursos por onde os passeios turísticos passam para conferir se está tudo certo e, durante essa conferência, o monitor acabou se deparando com essa situação", afirmou a guia, dizendo que a flutuação no local não precisou ser interrompida.



Balneário
- A cheia na nascente do Rio Olho D'água é a mesma que provocou crescimento do nível do Rio da Prata e que, inclusive, fechou o balneário municipal de Jardim, há duas semanas.

A programação do Carnaval municipal precisou sofrer alterações por conta do fechamento do balneário. Ainda não há previsão para que o local seja reaberto após os estragos provocados pela cheia. Apesar disso, o nível atual do rio é considerado normal e, segundo o prefeito do município, Guilherme Alves Monteiro, equipes da prefeitura devem concentrar as atividades no local nos próximos dias.

"Nossas máquinas estão trabalhando na recuperação dos estragos nas estradas da região, para garantir o acesso dos ônibus circulares, o que é prioridade no momento. Mas, em seguida, as equipes vão para o local resolver a situação por lá", afirmou o líder do executivo municipal.

Sucesso internacional - Desde que as imagens foram publicadas por Eduardo, no Facebook, os convites para novas amizades não param de chegar. Segundo ele, as solicitações já chegaram até de outros países.

"Eu não esperava toda essa repercussão, foi crescendo muito rápido e de repente explodiu. Já recebi solicitação de amizade de toda parte do mundo, inclusive dos Estados Unidos, México, Portugal e Itália", afirmou Eduardo, destacando como positiva a divulgação de Mato Grosso do Sul para o mundo.as nas redes sociais mostram o registro feito por um monitor de turismo da cidade de Jardim, durante a cheia da nascente do rio Olho D'água, na cabeceira do Rio da Prata. O registro, feito no dia 02 de fevereiro, impressiona devido à beleza mesmo com a água tendo avançado sobre uma trilha, e já obteve mais de 17 mil compartilhamentos na internet.
 


 
Confira o vídeo:
 

COMENTÁRIOS

Site desenvolvido por: